21 de Novembro de 2014

Nove dicas de como otimizar o teu perfil no Linkedin



Atualmente ninguém mais discute a importância das redes sociais sobre a vida das pessoas. Esta relevância atingiu o mundo dos negócios, profissional, e a principal plataforma utilizada neste sentido é o Linkedin. Na sequência apresentamos algumas dicas de como otimizar o teu desempenho nesta rede social.

1.       Teu nome. Utilize sempre o mesmo nome em todas as redes sociais. Isto aumentará a tua visibilidade, transparência, credibilidade e facilitará o trabalho das pessoas que estão tentando analisar o teu perfil profissional.

2.       Tua foto. Insira uma foto de qualidade e coerente com o teu ambiente profissional. Perfis sem foto diminuem a sua credibilidade e passam a imagem de falta de capricho, de despreocupação com o lado profissional e de atenção a rede social. Um sorriso sempre agrada as pessoas. Fotos de casamento, praticando esporte, em viagens, com os filhos, etc. raramente mostram aderência a experiência profissional.

3.       Títulos dos cargos. Você pode ser criativo, mas lembre-se de que muitas buscas baseiam-se na utilização deste campo como o principal filtro. Colocar o nome do cargo em português e inglês somente pode ajudá-lo a aparecer em uma maior quantidade de resultados. Pense em todas as opções de nomes de cargos que as pessoas possam utilizar para encontrar um profissional com o teu perfil e tente considerar o maior número possível destas. Também é recomendável alternar os nomes dos cargos nas diferentes empresas por onde passou. Se no cargo atual você colocou, por exemplo, analista fiscal, tente se possível no cargo anterior colocar analista tributário ou analista de impostos, por exemplo. Colocar um segundo nome do cargo (sinônimo) entre parênteses também é positivo.

4.       Costumize a tua URL no Linkedin. No meu caso, como exemplo: br.linkedin.com/in/renatomartinelitavares. Desta forma, ficará muito mais amigável a tua apresentação. Você poderá também colocar este endereço no teu cartão de visita, assinatura de e-mails, etc.. Isto você pode fazer na opção de edição do teu perfil dentro do Linkedin (perfil público).

5.       Atualize suas informações de contato. Disponibilize a maior quantidade possível de contatos e os mantenha sempre atualizados (e-mail, telefone, endereço, perfis sociais, etc.).

6.       Resumo do perfil. Escreva na terceira pessoa e tenha como principal preocupação inserir neste resumo palavras chave que servirão para colocá-lo em resultados de buscas por profissionais com o teu perfil.

7.       Adicione mídias diferenciadas. O Linkedin proporciona a opção de inserção de imagens, vídeos e SlideShares. Use este recurso demonstrando trabalhos já desenvolvidos, apresentações criadas, vídeos gravados, etc.. Isto demonstra teu conhecimento, “ser diferente”.

8.       Adicione tuas habilidades no trabalho focando novamente nas palavras chaves que ajudarão o público a encontrar o teu perfil profissional. Lembre-se de recomendar colegas em quem confia e conhece profundamente seus trabalhos. Desta forma, aumentarão as tuas chances de também ser recomendado.

9.       Atualize sua experiência de trabalho. Novamente foque nas palavras chave, tente inovar, seja claro nas quantificações, prazos.

E você? Tem usado adequadamente o Linkedin? Com qual objetivo? Adicionaria alguma sugestão aos usuários? Comente.

Escrito por Renato Tavares